domingo, 30 de setembro de 2012

Hebe: Uma Estrela a Brilhar

Ontem recebi a triste notícia que Hebe Camargo havia falecido. Fui pega de surpresa, apesar de saber que ela estava doente, não imaginava receber esta notícia assim tão de repente.

Estes dias havia lido em uma revista semanal que ela voltaria a trabalhar no SBT e esta semana que passou ela fez o primeiro e último programa de volta à sua antiga emissora. Acho que foi uma despedida.

Eu assisti muito aos programas da Hebe, ultimamente não tinha mais tempo de assistir televisão devido a minha corrida e atarefada jornada. Quando ela fazia parte do elenco do SBT eu assistia seus programa e gostava muito. Gostava dos programas e da apresentadora. Além das entrevistas e atrações do programa o que eu mais gostava era de sua autenticidade, que lhe era tão peculiar. Ela era tão autêntica e sincera. A maneira como ela se reportava ao seu público a tornava íntima daqueles que lhe assistiam. Como alguém já falou postumamente, tudo que ela dizia, por pior que fosse, saindo de sua boca parecia mais doce.

A imagem que eu sempre vou guardar de Hebe Camargo é de uma mulher chique, glamorosa, extremamente  religiosa e sempre cercada de amigos. Alguns dos melhores amigos de Hebe, infelizmente já faleceram. Nair Belo, sua amiga por mais de 50 anos, também foi uma figura marcante em novelas e no humor. Para mim  amizade de Hebe, Nair e Lolita Rodrigues foi algo marcante. Imagina só ter amigas de uma vida toda e cheia de histórias para contar?

A velhice é triste pois com todos os problema que a idade traz, ainda tem o fato de que muitas vezes os idosos vão vendo seus amigos partir. E fica aquela expectativa de que um dia ele também vai partir. Como já disse o mestre do humor Chico Anísio, eu não tenho medo da morte, mas tenho pena. Tenho pena de ver as pessoas que amo partirem, assim como tenho pena de deixar as pessoas que amo e não acompanhá-las em conquistas e vitórias na vida.

Acredito que Hebe teve uma vida muito feliz. A lembrança que ela deixa é de uma pessoa que brindava a vida como uma festa, um acontecimento, algo a comemorar.

"Linda de viver!" É com esta frase que eu termino esta postagem que não deixa de ser uma homenagem a esta "gracinha" que com certeza está sentada em seu sofá branco lá no céu, nos assistindo celebrar o nosso show que é a vida.

Hebe: Uma estrela a brilhar

Um comentário:

  1. Ninguém comentava da Hebe há alguns meses. Ninguém se importava, ninguém assistia o seu programa e nem mesmo a incluia nas orações.

    E hoje, todo mundo é fã, todo mundo sente falta, todo mundo a acha o máximo, um exemplo de mulher e todo mundo "não conseguirá viver sem ela".

    Santa Hipocrisia!

    ResponderExcluir